Governo de SP proíbe polícia de socorrer vítimas de crimes

Olá amigos,

 

Foi destaque com grande repercussão na imprensa essa semana a decisão do governo paulista em proibir policiais militares de atenderem ocorrências com vítimas graves.

A partir da publicação no diário oficial do estado, somente bombeiros, equipe do SAMU ou equipes médicas locais poderão prestar os devidos socorros.

A explicação foi a necessidade de preservar as cenas dos crimes sejam eles dolosos ou culposos com ou sem envolvimento de policiais militares.

Mas o que precisamos levar em consideração são as condições de trabalho dessas outras equipes.

No ano de 2012 também foi destaque na imprensa a ineficiência dos serviços de primeiros socorros. Pessoas morreram por complicações em conseqüências da demora das chegadas das ambulâncias aos locais das ocorrências.

Em primeiro lugar é necessário responder um longo e complexo questionário, para que seja feita a avaliação da necessidade do atendimento. Se por um lado isso evita os trotes, por outro lado aumenta o tempo para que o socorro aconteça.

Outro fato contrário é o trânsito caótico em toda a região metropolitana de São Paulo. No interior, nem todas as cidades dispõe de ambulâncias e equipes de atendimento, sendo necessário o deslocamento de outra cidade.

Assim, está instituída a pena de morte no estado de São Paulo, pois mesmo que a vítima seja um simples transeunte que recebeu uma bala perdida e não tem nada haver com a ocorrência, dependendo do ferimento ela irá morrer antes de receber os primeiros socorros.

Concordo que com a atual condição da equipe de policiais civis e militares do estado de São Paulo, não podemos confiar, pois muitas vezes os mesmo têm distorcido os fatos a fim de eliminarem provas de seus assassinatos, extorsões, etc. Mas as vítimas não podem pagar com a vida a ineficiência do Estado em preparar melhor a equipe e punir com severas penas os maus elementos infiltrados nas polícias.

Ontem (sexta-feira, 11/01/2013) vi uma reportagem no Jornal Nacional sobre as tecnologias utilizadas pela policia militar em Brasília nas operações  para averiguar motoristas que esteja infringindo a lei seca ou carros e motoristas que não estejam com impostos em dia, etc.

Um dos equipamentos dos policias é um óculos com uma câmera aclopada que filma toda a operação, transmite as imagens em tempo real e não permite a edição das imagens.

Porque o governo de São Paulo não adota esse tipo de equipamento? Assim teríamos as imagens das ocorrências e não precisaríamos sacrificar vidas.

Só precisamos punir com rigor os infratores, pois na semana passada foi assassinado o jovem que filmou os policiais matando um suspeito já imobilizado pelos próprios policiais. Não podemos permitir que eles façam a justiça de acordo com a vontade e conveniência deles e com as próprias mãos.

 

Abraços, Sam .

 

Fontes:

Bom Dia Brasil

http://g1.globo.com/bom-dia-brasil/noticia/2013/01/pms-de-sao-paulo-nao-podem-mais-prestar-socorro-vitimas.html

 

Jornal Folha de São Paulo

http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/1210595-testemunha-de-crime-e-rapper-estao-entre-vitimas-de-chacina-em-sp.shtml

 

Jornal Nacional

http://globotv.globo.com/rede-globo/jornal-nacional/v/oculos-especiais-ajudam-na-obtencao-de-provas-contra-motoristas-bebados-em-brasilia/2341094/

 

Radio Bandnews FM

www.bandnewsfm.com.br

Deixe uma resposta