Ignorância – Falta de conhecimento, de saber, de instrução.

Estado de quem ignora – Falta de conhecimento de um assunto determinado, ignorando o saber.

 

Olá amigos,

 

Começo esta conversa de uma forma diferente, para que possamos discutir melhor sobre o tema de hoje.

Há certo tempo, que venho tendo acesso a um mundo um pouco desconhecido, que é o mundo da psiquiatria, ou o mundo da saúde mental e, com isto, muitas vezes percebi que  estava revoltada com certas atitudes de pessoas, e muitas vezes fiquei muito frustrada com tudo o que estava acontecendo ao meu redor.

Comecei a perceber que as pessoas por ignorância, não conhecem este mundo tão pouco citado, e muitas vezes, citados de formas tão erradas. As pessoas possuem opiniões formadas sobre este assunto, sem base, na total ignorância, e ainda se sentem no direito de opinar sobre a vida das pessoas que estão em luta de uma melhora na saúde mental.

As pessoas que tem problemas e precisam de ajuda, encontram uma série de dificuldades para conseguir um bom tratamento. Uma dificuldade imensa para conseguir digerir tudo o que os especialistas informam e que a partir daquele momento ela terá de  aprender como lidar com este novo processo em sua vida, mas a maior dificuldade ainda é aprender a lidar com a ignorância das pessoas ao seu redor.

Não conseguimos com facilidade uma informação que podemos confiar sobre o que realmente é uma depressão, ou que é uma esquizofrenia, ou qualquer doença psíquica, mesmos as mais comentadas hoje em dia.

O nosso governo, já disponibiliza alguns recursos para que as pessoas possam fazer tratamento, mas ainda tem muitos detalhes a desejar.

A mídia, pouco faz, tentando explicar sobre este assunto. Quando vemos em uma novela, por exemplo, ainda é uma maneira muito distorcida da realidade.

Os amigos e familiares dos portadores de qualquer doença psíquica a maioria não procura entender para ajudar de uma maneira eficaz e sim preferem dar suas opiniões formadas no nada e julgá-las se sentindo superior a elas.

Infelizmente a cada dia que passa, descubro que o número de pessoas que tentam o suicídio é inenarrável, a quantidade de pessoas que estão descontentes, que sentem um vazio impossível de ser preenchido é assustador, e você, leigo no assunto, não percebe que ao seu lado no serviço, por exemplo, pode ter uma dessas pessoas. Ela sorri, trabalha, tem sua família, muitas vezes parece até bem sucedido, mas no fundo tem este vazio.

Quando uma pessoa participa de um grupo de apoio, ela consegue ter uma idéia de como as pessoas estão perdidas, sem saber que rumo tomar em suas vidas.

Quem tem o privilégio de não ter este tipo de problema, costuma não ter paciência, achar que tudo é uma grande frescura, ou que é uma escolha feita pela pessoa que está passando o determinado problema. Como é um problema que não conseguimos diagnosticar com um exame de Raio X ou uma tomografia, enfim, só com conversas com os profissionais da área, muitas pessoas, não tem um pouco de respeito, chegando a uma agressão verbal a pessoa que está com o problema. Isto é muito triste.

Com o passar do tempo, vamos descobrindo, que não devemos comentar como está evoluindo o tratamento. Ou o que está acontecendo ao certo, por que isto pode trazer sério descontentamento ao paciente, muitas vezes até atrapalhando a evolução do quadro, por que as pessoas com sua grande ignorância sempre mandam parar a medicação tomar um chá de maracujá e enfrentar a vida, que tudo vai ficar lindo. Até quando será que vamos sofrer com isto? E olha que estamos em uma época que todos conhecem pelo menos umas cinco pessoas depressivas.

Mande seus comentários, suas dúvidas, suas sugestões, vamos tentar entender melhor e ajudar as pessoas que amamos.

 

Um grande beijo à todos,

 

Anissima de Paula

2 thoughts on “Até onde vai toda esta ignorância?

  1. Que meios posso procurar ajuda para uma pessoa que se encontra nesse estado de ignorância com quem mais o amam,, com a família e ignorante com os de fora trata bem!!
    Que tipo de tratamento posso procurar??

    1. Marleide,

      Creio que um psicólogo pode ajudar essa pessoa a olhar para si mesmo e enxergar que está magoando os que o amam de verdade.
      Procure você um profissional, converse primeiro e esse profissional te orientará melhor.

      Abraços,

      Samuel de Paula.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *