Olá amigos,

 

Segundo a constituição federal os deputados e senadores não podem sair de recesso em julho se não tiverem votado a Lei de Diretrizes Orçamentárias até o dia 17 de julho.

Durante a Copa nada foi feito e agora é hora de criar artimanhas para terem suas tão “merecidas” férias.

Para os congressistas só é considerado falta se houver sessões deliberativas, as que ocorrem votações. Para evitar as faltas e os descontos em salários, as sessões deliberativas só acontecerão em outubro, após as eleições.

Como não haverá falta, os salários continuaram sendo pagos normalmente e assim o povo financia a campanha mais uma vez.

E caso você fique indignado com isso e queira saber de quem foi a brilhante ideia, há um acordo entre governistas e oposição para que isso aconteça.

Nessa hora não há distinção, como na verdade não há em momento algum. São todos farinha do mesmo saco, ratos do mesmo esgoto, bandidos da mesma corja.

Não há quem mereça o voto do povo, que mereça a perda de uma hora que seja para deslocamento e votação.

O pior que todos que enquanto povo tinham boas ideias e boa índole, ao chegar lá se juntou aos outros e não se vê mais diferença entre eles.

O Brasil é um país onde a política parece piada e o povo assiste a tudo alheio como se fosse na casa do vizinho.

ACORDA POVO, ACORDA BRASIL!!!

 

Abraços, Sam.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *